Políticas Editoriais

Foco e Escopo

Destina-se à publicação de trabalhos inéditos relacionados com o Design Industrial ou que apresentem resultados de estudos e pesquisas sobre as atividades envolvendo os atos de entender, projetar, pensar e discutir a atuação da profissão e dos profissionais envolvidos. Também a inserção de temas diretamente associados, como qualidade de vida, considerações ambientais, produtividade, inovação, dentre outros.

Entende-se por Design a área multidisciplinar concernente ao estudo relacionado com o projeto metodológico, a partir de meios empíricos para a produção dos mais diversos tipos de artefatos. Em muitos casos, o Design também pressupõe a os aspectos formais, funcionais, ergonômicos, operacionais etc., daquilo que já passou pelo processo projetual.

A pesquisa em design industrial engloba componentes de vários outros setores e subsetores, dentre outros:  Comunicação e Design, Design automotivo, Design de interiores, Design de jogos, Design de jóias, Design de mobiliário, Design do produto, Design e cultura material, Design e informação, Design e mercado, Design e sistemas complexos, Escrita criativa, Filosofia da arte e do Design, Gestão do Design / ciclo de vida dos produtos, Historia da arte e do Design, Moda e cultura contemporânea, Teoria da percepção visual, Webdesign, Ensino e prática do Design Industrial, Ergonomia, Cultura material e símbolo, Cultura visual, Semiótica, Ecologia e Design, Fotografia, Inovação de produto sustentável, Mercado e previsão tecnológica, Qualidade e inovação de produtos e processos, Tecnologia e inovação.

 

 

Políticas de Seção

Artigos

Insira aqui a política desta seção

Selecionado Submissões Abertas Selecionado Indexado Selecionado Avaliado por Pares

Editorial

Não Selecionado Submissões Abertas Selecionado Indexado Não Selecionado Avaliado por Pares
 

Processo de Avaliação por Pares

Para submeter um artigo à revista  DI Factum é necessário que o texto seja original, ou seja, que não tenha sido submetido à outra forma de publicação.

As submissões serão avaliadas segundo critérios de conteúdo (pertinência, clareza, atualização e originalidade) e formais (correção e clareza da redação; correção da apresentação segundo as normas técnicas; pertinência de material ilustrativo), além de outros critérios que possam ser considerados relevantes.

Os originais serão submetidos à aprovação de dois avaliadores, pelo sistema "avaliação cega", isto é, os avaliadores não identificam os autores das contribuições. Como resultado do processo de avaliação, os originais poderão ser: a) aceitos na íntegra, sem restrições, b) aceitos na íntegra, com algumas alterações, ou c) rejeitados.

Quando houver necessidade de alterações referentes apenas a aspectos gramaticais, ortográficos e de ordem normativa, com vistas a manter a homogeneidade da publicação, o Conselho Editorial se reserva o direito de realizar as modificações necessárias, respeitando o estilo do autor. Nos demais casos, o autor reformulará o texto conforme solicitação do Conselho.

Para cada submissão serão designados 2 (dois) avaliadores, membros do Conselho Avaliador ou avaliadores ad hoc. Caso haja empate no processo de avaliação, a decisão sobre a publicação do original será delegada a um terceiro avaliador, ou cumprida pelos editores da DI Factum.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...